Adecoagro investe em agricultura 4.0 e beneficia 11 cidades da região do Vale do Ivinhema no MS

 

Iniciativa, uma das maiores do agronegócio brasileiro, vai além do investimento em tecnologia e proporciona conectividade 4G para produtores e moradores do Mato Grosso do Sul

 

Parceria com a TIM Brasil se estende a quase um milhão de hectares

 

Com o espírito empreendedor na busca da melhoria contínua e atenta às oportunidades para inovar, a Adecoagro, uma das principais produtoras de alimentos e energia renovável do mundo, vai além do investimento em agricultura digital para seu negócio. O projeto em implantação passa a conectar uma área de cerca de 180 mil hectares de canaviais e a beneficiar 11 cidades do Mato Grosso do Sul com o 4G da TIM, interligando equipamentos, pessoas e comunidades.

 

Em parceria com a operadora TIM, a iniciativa, uma das maiores em escala do agronegócio no Brasil, proporciona uma solução de conectividade aberta, escalável e global. O grande diferencial do projeto de conexão desenvolvido pela Adecoagro e pela TIM é a utilização da rede 4G na frequência de 700 MHz, a mesma tecnologia disponível em todo o país, uma frequência aberta e democrática.

“O desafio de interligar em tempo real nossos equipamentos no campo abriu a oportunidade de desenharmos uma parceria muito maior, que agregou outras soluções nessa mesma rede, já que a infraestrutura instalada conecta também mais de 100 mil pessoas dos municípios de Ivinhema, Angélica, Nova Andradina, Deodápolis, Glória de Dourados, Novo Horizonte do Sul, Distrito Amandina, Distrito Ipezal, Jateí e Naviraí”, destaca Renato Junqueira Santos Pereira, VP Açúcar, Etanol e Energia da Adecoagro.

 

A integração entre equipamentos e o COA – Centro de Operações Agrícolas da Adecoagro proporciona agilidade na tomada de decisão, aumentando a eficiência e a sustentabilidade dos processos, que ganham celeridade com a redução de deslocamento das equipes de campo para o escritório. Atualmente, o COA já está conectado a todas as frentes de colheita (colhedoras, transbordo e caminhões canavieiros) e também com tablets e celulares com aplicativos de apontamento agrícola e segurança perimetral, visualizando a operação online por meio da rede. Cerca de 750 equipamentos já estão conectados e a companhia estima finalizar 2021 com 1.300 interagindo em tempo real.

Para as empresas, mais do que conectar equipamentos, é preciso pensar na digitalização de comunidades, aumentando o acesso à inclusão digital. O 4G permite uma democracia da conectividade, valorizando ações relacionadas não só ao trabalho no campo como também à educação e ao entretenimento. A conexão entre pessoas é fundamental para dar espaço a novas iniciativas em tecnologia, viabilizando o futuro da agricultura conectada, ou 4.0.

 

“Acreditamos na força do campo e na capacidade de levar conectividade onde for necessário. A Adecoagro, com sua postura visionária, foi um dos nossos primeiros clientes 4G TIM no Campo e é um excelente exemplo de como a digitalização da agricultura através do 4G pode levar a inclusão digital da população rural e urbana da região”, comenta Alexandre Dal Forno, Head de Marketing e ioT da TIM Brasil.

 

Essa parceria faz parte do projeto “4G TIM no Campo”, criado em 2018 para levar a conectividade para o agronegócio brasileiro com a rede de quarta geração da operadora. As operações com a Adecoagro começaram em 2019, já contando com três torres com 100 metros de altura em funcionamento. A Companhia investiu então na implantação de mais seis estruturas similares, enquanto a operadora cuidou da instalação de outras três torres e do fornecimento do sistema de comunicação de dispositivos móveis e soluções de Internet das Coisas (IoT). O investimento viabilizou a cobertura 4G nas áreas de produção de cana e industrial, chegando a mais de 100 mil pessoas nas comunidades do entorno.

 

Entre os benefícios em desenvolvimento a partir da chegada do 4G no campo estão o compartilhamento de mapas de agricultura de precisão, facilitando o acesso das operações agrícolas aos dados de AP, bem como o Projeto JD-link, uma solução para preparo de solo e manutenção automotiva.

O projeto da Adecoagro visa, nos próximos anos, outras aplicações e ganhos de eficiência, como instalar estações meteorológicas conectadas via rede NBIoT. Essa iniciativa tem como benefício conectar e montar um ecossistema de estações com dados climáticos de microrregiões, possibilitando obter informações que irão aprimorar ainda mais o planejamento agrícola da Companhia. Assim como as outras parcerias da TIM no “4G TIM no Campo”, a operação da Adecoagro conta com a ativação da plataforma Narrow Band IoT (NB-IoT), que amplia em mais de 40% o alcance da cobertura da rede, além de consumir menos bateria, sendo fundamental para aplicações de Internet das Coisas. A TIM foi pioneira ao oferecer a funcionalidade aos clientes corporativos e é líder na cobertura NB-IoT.

 

Sobre a Adecoagro

Com sede em Luxemburgo e acionistas em todo o mundo, a Adecoagro (NYSE: AGRO) é um dos principais produtores de alimentos e energia renovável da América do Sul, presente em três países. No Brasil desde 2004, a Companhia atua na produção de açúcar, etanol e cogeração de energia elétrica com três unidades industriais: Usina Monte Alegre (MG) e o cluster formado pelas usinas Angélica e Ivinhema, ambas no Mato Grosso do Sul. Juntas, elas possuem capacidade de moagem de 14,2 milhões de toneladas de cana por safra. Reunindo cerca de 6.500 colaboradores no Brasil (outubro de 2020), a Adecoagro caracteriza-se por um modelo de baixo custo de produção, alta flexibilidade e processos inovadores, sendo reconhecida como uma das mais competitivas do segmento sucroenergético mundial.

 

Sobre a TIM

“Evoluir juntos com coragem, transformando tecnologia em liberdade” é o propósito da TIM, que atua em todo o Brasil com serviços de telecomunicações, focada nos pilares de inovação, experiência do cliente e agilidade. A empresa é reconhecida por liderar movimentos importantes do mercado desde o início de suas operações no país e está à frente da transformação digital da sociedade, em linha com a assinatura da marca: "Imagine as possibilidades". É, desde 2015, líder em cobertura 4G no Brasil, conectando, inclusive, o campo para viabilizar a inovação no agronegócio. Foi pioneira na ativação de redes 5G no país, com a criação dos Living Labs em 2019, e está pronta para a próxima geração de redes móveis.

 

A TIM valoriza a diversidade e promove uma cultura sempre mais inclusiva, com um ambiente de trabalho pautado no respeito. A companhia atua comprometida com as melhores práticas ambientais, sociais e de governança e, por isso, integra importantes carteiras da bolsa brasileira, como a do S&P/B3 Brasil ESG, do Índice de Carbono Eficiente (ICO2) e do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), sendo operadora por mais períodos consecutivos – 13 anos – nesta lista. Faz parte ainda do Novo Mercado da B3, reconhecido como nível máximo de governança corporativa, e foi a primeira empresa de telefonia reconhecida pela Controladoria-Geral da União (CGU) com o selo "Pró-ética". Para mais informações, acesse: https://www.tim.com.br

 

 

Informações para a imprensa

Adecoagro – Conceito Comunicação

Marcela Barbin

marcela@conceitocomunic.com.br

16 9 9707 5560

 

TIM Brasil | MassMedia Comunicação
Juliana Guerra
assessoria.tim@massmedia.com.br
julianaguerra@massinteligencia.com.br
11 9 6079-3821

 

 

 

 

 

Assessores