Instituto TIM lança curso gratuito sobre transformação digital no agronegócio




Aulas voltadas para agricultores e estudantes da área estão na plataforma TIM Tec e abordam temas como inteligência artificial e internet das coisas no campo

 Informações em tempo real e na palma da mão sobre o manejo correto da lavoura, dados atualizados sobre clima, disponibilidade de nutrientes no solo, pragas, previsão do tempo e quantidade de alimentos nos cochos dos animais. A revolução digital já chegou ao campo, mas nem todos têm dimensão do seu impacto e entendem como as novas tecnologias conectam máquinas, “coisas” e pessoas. Para aproximar essa nova realidade dos agricultores brasileiros, o Instituto TIM oferece a partir de agora um curso gratuito que aborda a transformação digital no agronegócio.


Voltado para trabalhadores e empresários do agronegócio, estudantes de agronomia ou cursos similares e qualquer pessoa interessada em entender a relação entre o campo e as novas tecnologias, o curso “Conectividade: A transformação digital do Agronegócio” aborda três temáticas: transformação digital, Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês) e inteligência artificial. São 18 horas de conteúdo, apresentado em vídeos e complementado com textos e atividades. Disponível na plataforma TIM Tec, as aulas explicam como funcionam as diferentes redes de telecomunicações – do 2G ao 5G – a comunicação entre máquinas (M2M) e ensina como aproveitar todas as tecnologias disponíveis para alavancar negócios no campo.


Líder em cobertura 4G no campo, alcançando mais de 6 milhões de hectares, a TIM tem o compromisso de viabilizar a digitalização e oferecer soluções inovadoras para o agronegócio brasileiro. Nos últimos anos, a operadora vem reforçando sua presença no setor, com ações como a participação na fundação da associação ConectarAGRO e alianças estratégicas com hubs de startups para fomentar a automação das lavouras. Mario Girasole, presidente do Instituto TIM, destaca a importância do curso do TIM Tec dentro dessa estratégia de transformar o campo e as pessoas que vivem e trabalham nessas áreas. “É mais um passo para democratizar o acesso às tecnologias existentes de conectividade — e outras que estão na iminência de serem implantadas, como o 5G — para todas as pessoas envolvidas no agronegócio. O campo conectado pode aumentar a produtividade e a qualidade da produção rural e mudar a realidade de muitas pessoas, trazendo mais qualidade de vida para pequenos agricultores, por exemplo”, explica.


O curso aborda também os aspectos históricos do agronegócio, as revoluções pelas quais o setor já passou e as mudanças trazidas pelas novas tecnologias, focando na realidade do aluno, que já convive com boa parte dessas ferramentas no seu dia a dia. Como todos os demais conteúdos da plataforma TIM Tec, não há pré-requisitos para assistir às aulas, basta ter acesso à internet.


O TIM Tec nasceu em 2013 e se consolidou como uma importante ferramenta virtual de educação tecnológica, com cerca de 30 cursos disponíveis. Por ser baseada em software livre, pode ser utilizada por qualquer interessado ou também instalada de forma autônoma em escolas, universidades e coletivos. O novo curso é gratuito, como todos os demais conteúdos da plataforma. Para assistir às aulas, basta acessar o site https://cursos.timtec.com.br/.


Sobre o Instituto TIM


O Instituto TIM tem como missão criar e potencializar recursos e estratégias para a democratização da ciência, tecnologia e inovação, promovendo o desenvolvimento humano. Define sua atuação em projetos focados em quatro pilares: Ensino (projetos educacionais para crianças e jovens); Aplicações (soluções em software livre); Inclusão (difusão do conhecimento) e Trabalho (novas oportunidades de atuação e capacitação). Em parceria com diversas instituições federais e aproximadamente 70 secretarias municipais e estaduais, como de Educação, Cultura e Planejamento em todo o País, as ações do Instituto TIM já alcançaram cerca de 500 municípios, em todos os 26 estados e Distrito Federal, beneficiando mais de 700 mil pessoas, especialmente, crianças de 6 a 12 anos. Para mais informações: institutotim.org.br.


 


 


 

 



Assessores